Opala 250

Opala250: Maquini Racing team conquista pódio heroicamente

No último sábado (16/06), foi disputada a 4ª Etapa da Opala 250, categoria de acesso à Old Stock Race e fez parte da história de Interlagos, com sua etapa noturna.

Dentre as várias equipes que correm na categoria, acompanhamos como foi a trajetória da Equipe Maquini Racing Team, que viu sua corrida pelo pódio indo por água abaixo. Ao chegarem no autódromo de Interlagos na sexta (15/06) para o treino, ao completar a segunda volta o motor do Opala #222 sofreu avarias graves. Foi um banho de água fria na equipe que vinha esperançosa e animada, já que seria um prova histórica e não podiam ficar de fora.

Ficou a pergunta junto à equipe: “Onde achar peças para montar outro motor em plena sexta à noite?”.

Mas como no automobilismo a união faz a força, a equipe do Beto Preparações abraçou a causa da equipe e não deixou o carro sem correr. Começou a corrida para deixar o carro pronto para o sábado. O preparador Adauto, que é cadeirante, foi duas vezes para Santo André atrás das peças e o piloto Bruno Matrai foi até uma auto peça que fica aberta 24 horas atrás de um bloco novo do motor, mas sem sucesso. Beto na sua ânsia de conseguir colocar o #222 na pista, conseguiu o bloco e as partes do motor que faltavam. O trabalho foi intenso, de um lado a equipe Maquini Racing Team e de outro Beto Preparações, entraram pela madrugada a dentro sem descanso.

No sábado pela manhã o Opala #222 estava pronto para voltar à pista, todo esse trabalho mostra que a união de duas equipes que juntas fizeram a diferença.

O piloto Bruno Matrai e seu Opala #222, já com o motor novo foram para o classificatório em busca de uma boa posição de largada.

O carro se comportou muito bem e Matrai garantiu a quinta posição.

“Apesar de tudo, o carro estava muito bom. Infelizmente, como o motor que conseguimos para substituir o quebrado era original de fábrica, o desempenho não estava tão bom quanto o outro motor que o meu preparador Adauto montou antes da corrida. Mesmo assim o carro estava bastante equilibrado nas curvas e boa parte do tempo que perdia nas retas conseguia compensar fazendo o miolo do circuito com boa velocidade, conseguindo o 5o lugar para a largada!”, completou Matrai.

Bruno Matrai tem como coach o piloto Perdro Pimenta do Opala #51 da Old Stock Race.

A Corrida!

Largando na terceira fila Matrai perde uma posição logo na largada mas consegue se recuperar ainda no fim da reta. Faltando uma volta para o fim da prova, o câmbio apresentou problemas, terminando a corrida na quarta posição.

“Correr à noite foi uma experiência única e inesquecível e foi muito gratificante ver que o público Opaleiro não deixou de comparecer em peso, mesmo tendo corridas para assistir até depois das 23h. O circuito tinha boa iluminação e a visibilidade foi melhor do que eu esperava. Depois de perder uma posição na reta de largada, rapidamente recuperei na primeira perna do S do Senna, consegui chegar no meio da primeira volta na terceira posição. Como nem tudo são flores e eu ainda tenho muito que aprender, um erro de pilotagem me fez cair para a sétima posição, a partir daí fiz uma corrida de recuperação com algumas ultrapassagens, chegando ao final em quarto lugar. Da metade da corrida para frente, tive problemas no câmbio, que acabou ficando sem lubrificação, mas aguentou até o fim. Este quarto lugar foi importantíssimo pois nos permitiu ganhar mais uma posição no campeonato e agora estamos em terceiro na luta pelo título da categoria”, disse Matrai.

Sobre a ajuda que recebeu da equipe Beto Preparações:

“Só tenho a agradecer ao meu preparador Adauto e ao time do Beto Preparações, pois estávamos em uma situação de desistência da corrida, e sem eles realmente teríamos participado somente como espectadores!”, disse Matrai.

A Próxima etapa da Opala 250 será disputada no dia 15/07 no Autódromo de Interlagos.

Fotos: Maquini Racing / Planeta Velocidade

2 Responses

  1. Parabëns a toda equipe e aos colaboradores, realmenre a união faz a força!

  2. Historia de arrepiar, me orgulho muito do meu primo Adauto e sua equipe, ambos merecem essas conquistas e esse reconhecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *