MGP- Últimas Notícias

MotoGP – Andrea Dovizioso vence e Jorge Lorenzo Caiu!

MotoGP: Misano (09/09) foi o palco da décima terceira etapa da temporada 2018 e como não poderia ser diferente foi um espetáculo sobre duas rodas.

 

No palco 26 pilotos, mas os artistas principais Andrea Dovizioso (Ducati) #04, Jorge Lorenzo (Ducati) #99 e Marc Márquez (Honda) #93, Valentino Rossi (Yamaha) #46 que esta na luta pelo título foi um ator coadjuvante.

Luzes vermelhas se apagam e começa o GP da Itália!

Lorenzo fez boa largada e se manteve na primeira posição, Marquez em segundo, mas Dovizioso que largou na quarta posição veio muito rápido e logo assumiu a segunda posição deixando o piloto da Honda na terceira posição.

Tudo indicava domínio das Ducatis, na sexta volta Dovi assume a ponta indo até a bandeirada final.

Mas o ato principal estava por vir!

Lorenzo e Marquez deram um show na pista, brigando pela segunda posição, o piloto da Honda conseguiu tirar a diferença e começou a atacar a Ducati, na décima quarta volta Marquez faz uma ultrapassagem incrível e assume a segunda posição.

Não contente Lorenzo vai para cima e passou a Honda três vezes, mas sempre levava o troco de Marquez, mas na décima nona volta a Ducati conseguiu ficar à frente da Honda e abrir uma pequena vantagem.

 

Quando parecia que a supremacia da Ducati dominaria até o fim da corrida.

Restando duas voltas, Lorenzo caiuuuuu! Isso mesmo, Jorge Lorenzo sofre uma queda sozinho na curva oito, para desespero da equipe.

A segunda posição caiu no colo de Marquez que assistiu a queda de Lorenzo e conseguiu mais alguns pontos importantes rumo ao campeonato 2018.

Cal Crutchlow (LCR Honda) #35 ficou com a terceira posição.

Rossi fez uma corrida bem apagada, sua moto não apresentou boa consistência na corrida e no final chegou apenas na sétima posição.

A próxima etapa da MotoGP será disputada em Aragón na Espanha.

Opinião Marcos Amaral:

Vimos um duelo entre Lorenzo e Marquez, na temporada 2018 são pilotos rivais, mas em 2019 vão ser companheiros de equipe, será que o piloto #93 vai ter vida fácil?

Mas posso afirmar que a temporada 2019 vai ser mais uma temporada fantástica na MotoGP.

Vamos falar de Moto2, um fato que achei que nunca iria presenciar no mundo das corridas, um piloto simplesmente chegar do lado do seu concorrente e apertar o freio da moto a 200 km/h.

E aconteceu em Misano, se é que podemos chamar de piloto este cidadão, Romano Fenati emparelhou sua moto com a moto de Stefano Manzi e simplesmente apertou o manete do freio da sua moto. Atitude inadmissível para um piloto, que poderia ter causado a queda de Manzi. A direção de prova ao ver o fato o excluiu da prova com a bandeira preta.

Vejam as imagens abaixo:

Credito: Youtube/Divulgação

A equipe Marinelli Snipers se pronunciou nesta manhã, “Comunicamos que a Marinelli Snipers encerrará o contrato com Romano Fenati a partir de agora por sua atitude antidesportiva, perigosa e danosa. Temos que ressaltar que esse ato irresponsável, e que colocou a vida de outro piloto em risco, não pode ser desculpado”, publicou a empresa.

E não para por aí!

Fenati já tinha contrato com a Equipe MV Agusta, Giovanni Castiglioni dono da equipe através das redes sociais, disse que para 2019 o piloto não estará na sua equipe, “Essa foi a mais triste e pior coisa que já vi em uma corrida de motos. Um verdadeiro esportista jamais faria algo assim. Se eu fosse a Dorna (empresa dona dos direitos da MotoGP), eu o baniria do mundo da motovelocidade. Com relação ao contrato para representar a MV Agusta na Moto2, eu farei de tudo para que não aconteça. E não vai acontecer, porque ele não representa os verdadeiros valores da nossa empresa”, Castiglioni.

Fenati se pronunciou sobre a besteira que fez, “Eu me desculpo com todo o mundo dos esportes. Nesta manhã, de cabeça fria, eu queria que tudo não tivesse passado de um pesadelo. Eu continuo pensando a respeito deste momento. Fiz algo sem palavras para descrever. Não fui homem. Um homem teria terminado a corrida e ido à direção de prova reclamar pelos lances anteriores. Não deveria ter reagido a provocações. As críticas em relação a mim são corretas e consigo entender todo o ressentimento. Gostaria de me desculpar com todos que acreditaram em mim também a quem se sentiu ferido pelas minhas ações, que pintaram uma horrível imagem de mim e do esporte”.

Quer dizer o piloto já de contrato com outra equipe para a temporada 2019 vem e faz essa tremenda besteira, se ele teve problemas com Manzi nas voltas anteriores, após a corrida fosse até o piloto para conversar ou como ele mesmo disse, fosse à direção da prova abrir uma reclamação e não ter uma atitude infeliz dessas.

Como diz o ditado “Toda Ação tem uma Reação” e a ação teve sua reação. Não acelerar mais uma moto de corridas em 2018, pelo menos na MotoGP e para 2019 ficar de fora também.

Fato muito triste para o Planeta Velocidade.

No esporte queremos imagens como essa, dois rivais se cumprimentando!

Classificação da prova:
Pos. Piloto Equipe Moto Voltas Dif.
1 Andrea Dovizioso Ducati Ducati 27 42m05.426s
2 Marc Marquez Honda Honda 27 2.822s
3 Cal Crutchlow LCR Honda Honda 27 7.269s
4 Alex Rins Suzuki Suzuki 27 14.687s
5 Maverick Vinales Yamaha Yamaha 27 16.016s
6 Dani Pedrosa Honda Honda 27 17.408s
7 Valentino Rossi Yamaha Yamaha 27 19.086s
8 Andrea Iannone Suzuki Suzuki 27 21.804s
9 Alvaro Bautista Aspar Ducati Ducati 27 23.919s
10 Johann Zarco Tech3 Yamaha Yamaha 27 27.559s
11 Danilo Petrucci Pramac Ducati Ducati 27 30.698s
12 Franco Morbidelli MVDS Honda Honda 27 32.941s
13 Takaaki Nakagami LCR Honda Honda 27 33.461s
14 Aleix Espargaro Aprilia Aprilia 27 35.686s
15 Michele Pirro Ducati Ducati 27 35.812s
16 Bradley Smith KTM KTM 27 46.500s
17 Jorge Lorenzo Ducati Ducati 27 46.614s
18 Jack Miller Pramac Ducati Ducati 27 50.593s
19 Hafizh Syahrin Tech3 Yamaha Yamaha 27 55.168s
20 Karel Abraham Aspar Ducati Ducati 27 1m02.255s
21 Scott Redding Aprilia Aprilia 27 1m09.475s
22 Thomas Luthi MVDS Honda Honda 27 1m12.608s
23 Christophe Ponsson Avintia Ducati Ducati 26 1 volta
Stefan Bradl Honda Honda 17
Pol Espargaro KTM KTM 17
Xavier Simeon Avintia Ducati Ducati 2
Imagens MotoGP.com / Divulgação/Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *