Nas- Últimas Notícias

NASCAR Monster Cup – Kevin Harvick vence duelo no Texas e vai para a final.

No último domingo, dia 04/11, a principal categoria da NASCAR, a Monster Energy Cup Series entrou na pista para disputar sua 34ª etapa desta temporada e, como já era de se esperar, a prova foi válida para os playoffs.

O palco não poderia ser mais enigmático do que o estado do Texas, na cidade de Forth Worth, com uma prova de 500 milhas e em um oval de 1,5 milhas de extensão.

Esta semana foi anunciado que Jimmie Johnson (48) e o piloto de fórmula 1 Fernando Alonso irão participar de um evento em Abu Dhabi, no dia 26/11/2018, onde ambos farão uma experiência de troca de carros naquela pista.

Quanto a esta etapa, a mesma era uma prova muito importante para os pilotos, pois o resultado dela poderia significar a garantia ou até mesmo a exclusão das possibilidades de participação da disputa do título junto a última corrida dos playoffs, em Miami.

Os desafios foram aceitos e os duelistas estavam a postos no grid de largada, que viu Ryan Blaney, a bordo do carro nº 12 da equipe de Roger Penske partir da primeira colocação.

Preparar, apontar e…. bandeira verde!

Ryan Blaney (12) se manteve na liderança até a volta de número 30, onde uma bandeira amarela de competição foi acionada e, após os pit stops, Kevin Harvick (4) voltou à pista ocupando o primeiro lugar.

Em um início de prova comportado, Kevin Harvick (4) cruza na frente a linha de chegada, vencendo o primeiro segmento, com seu companheiro de equipe Kurt Busch (41) na segunda colocação.

Pouco após a relargada ocorre uma bandeira amarela, após um incidente que envolveu 2 carros da equipe Hendrick, Jimmie Johnson (48) e William Byron (24).

O segundo estágio da competição foi vencido novamente por Kevin Harvick (4), com o piloto Ryan Blaney (12) cruzando a linha de chegada na segunda colocação.

Após a relargada, Brad Keselowski (2), que não participa mais dos playoffs, passa a ocupar a primeira colocação da prova.

Mais uma amarela é acionada, devido a detritos na pista.

Joey Logano (22) relargada na primeira posição, mas logo é ultrapassado por Kevin Harvick (4).

A partir daí inicia-se uma sequência de bandeiras amarelas na prova.

A primeira delas foi causada por uma rodada de David Star (97) a 38 voltas do fim

A 28 voltas do fim, foi a vez de Matt Diabenedetto (32) ir para o muro e interromper mais uma vez a disputa.

A duas voltas do final, um enrosco entre A.J Allmendinger (47), Daniel Suarez (19) e Joey Gase (51), causa mais uma amarela e, por fim, um overtime.

Ao fim, depois de uma relargada tensa, Kevin Harvick (4) que dominou e varreu a prova, vence a etapa do Texas.

Em segundo lugar chegou o piloto Ryan Blaney (12) e, em terceiro, Joey Logano (22), ambos da equipe Penske.

Com este resultado, Harvick se une a Logano e está com sua participação garantida na grande final em Homeatead – Miami, no dia 18/11.

Restam apenas duas vagas na final, a serem disputadas por nada menos do que 6 grandes pilotos, em uma única prova, que ocorrerá no dia 11/11, no oval de 1 milha de Phoenix, no estado do Arizona, que acabou por passar por grandes reformas.

Até lá!

Alex Leonello Teixeira
Twitter: @alexleonello
Fonte: Divulgação/Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *