Turismo

Representada por Lico Kaesemodel e Gaetano di Mauro, Academia Shell disputa penúltima etapa da Porsche Carrera Cup no Velo Città

Porsche Carrera: Embora não liderem nos pontos corridos, pilotos são os primeiros colocados em suas categorias se aplicados os descartes previstos no regulamento

Com Lico Kaesemodel e Gaetano di Mauro como representantes, a Academia Shell Racing volta às pistas neste sábado (15), para a disputa da sexta etapa da Porsche Carrera Cup, que será realizada no Velo Città, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo.

Quarto colocado na classe Carrera Cup 4.0 com 112 pontos, Lico Kaesemodel  espera manter o ótimo retrospecto no Velo Città na rodada dupla deste sábado, a penúltima da temporada. Com apenas 10 pontos de desvantagem para o líder da competição, o piloto curitibano que soma três vitórias e duas poles nas quatro participações no circuito do interior paulista, sabe que essa é uma grande chance para se aproximar e até mesmo assumir a ponta na tabela de pontos.

Gaetano di Mauro, outro representante da Academia Shell na competição, soma 127 pontos e é o vice-líder na categoria Carrera Cup 3.8, seis pontos a menos que o primeiro colocado. Vindo de uma participação de destaque no Campeonato Mundial de Kart de Genk (Bélgica), onde conquistou o quarto lugar, o piloto paulista quer aproveitar a boa fase, conquistar um bom resultado para quem sabe chegar na última etapa líder do campeonato.

Tanto na categoria 4.0 quanto na 3.8 o regulamento determina os descartes dos dois piores resultados de cada piloto na temporada. Se fossem aplicados no atual cenário, tanto Lico quanto Di Mauro seriam os líderes em suas categorias.

Os treinos classificatórios para a sexta etapa da Porsche Império Carrera Cup acontecem na sexta-feira, com transmissão ao vivo pelos canais oficiais da categoria (site, Facebook e Youtube). Já as corridas ocorrem no sábado, com transmissão pelo SporTV e por streaming nos canais da categoria.

O que eles disseram:

“Agora entramos na fase final e com certeza os resultados dessa etapa no Velo Città serão de extrema importância para o desenrolar da final, marcada para novembro, em Interlagos,  junto com o GP Brasil de F-1. Já venho conversando bastante com nosso engenheiro, o Thiago Meneghel, pensando bastante na pista, na busca por um bom acerto.  Meu retrospecto lá é super bom e a meta é a mesma, desde que zerei na etapa de Curitiba, logo na abertura da temporada: continuar sendo o maior pontuador em cada etapa, o que venho mantendo desde então. Assim, vamos trabalhar muito para conseguir a primeira fila no grid e garantir pódio nas duas corridas. Nesse momento, com os descartes, sou o primeiro na classificação, mas por outro lado, não posso descartar mais nada, então tem de pontuar o máximo.  Vamos com tudo e com muita cabeça!.”

Lico Kaesemodel

Estou muito feliz em estar de volta e competir pela Porsche. Disputar uma etapa fora de Interlagos da uma animada, pois foram muitas corridas seguidas em Interlagos. Treinei bastante no mundial, estou bem preparado fisicamente e mentalmente, agora é jogar o jogo do campeonato, ir pra cima e tentar as duas vitórias para tentar ter uma folga na última etapa.

Gaetano di Mauro

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Por Paulo Giamarusti / Fotos Luca Bassani

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *