Josef Newgarden vence primeira rodada em Indianápolis e está a 40 pontos de Dixon

3 de outubro de 2020

j

Francisco Brasil

Estamos na reta final da temporada da INDY. Restando apenas três corridas, e duas delas acontecem nesse fim de semana, no traçado misto, em Indianápolis, Scott Dixon é o líder da temporada, mas Newgarden que se aproximar dele.

Com a presença do público, a categoria realizou o treino classificatório para a prova desta sexta. No dia anterior, a pole ficou com o holandês Rinus Veekay. Dixon que não conseguiu fazer um bom treino, largando em 12°.

“Novos” rostos velhos

Além da disputa, essa etapa do campeonato conta com algumas “estreias”, ocasionadas por diversos motivos.

Hélio Castroneves na sua estreia pela Mclaren – Crédito: James Black

Na Andretti, a novidade fica por conta de James Hinchcliffe, no carro #26, que o piloto Zack Veach já ocupou, mas ao saber que a equipe não renovaria seu contrato, Veach saiu do time antes do fim de sua terceira temporada. Então a equipe escolheu Hinchcliffe após ter corrido as 500 Milhas com a escuderia.

No carro #14 da AJ Foyt, que teve Tony Kanaan nos ovais, dessa vez será pilotado pelo experiente Sebastian Bourdais. Inclusive, o piloto estará na temporada 2021 como titular.

Por fim,e não menos importante, temos o retorno de Hélio Castroneves na McLaren. Isso mesmo! Helinho correrá fora da Penske, após 20 anos. Tudo aconteceu quando o americano Oliver Askew apresentrou sintomas de concussão, devido ao acidente nas 500 Milhas de Indianápolis.

O convite veio pela proximidade de Hélio e Gil de Ferran, chefe da McLaren na INDY, que foi seu ex-companheiro na Penske.

Vamos a corrida!

Numa tarde fria, no estado de Indiana, temos a largada para as 85 voltas. E logo de cara, Veekay é pressionado por Colton Herta, que chega a assumir o primeiro posto, mas leva troco na sequência. Isso por causa dos pneus vermelhos, mais macios, de Veekay estarem se saindo melhor naquele momento.

Largada com Veekay na frente – Crédito: Chris Jones

Veekay aproveita o momento e abre 2 segundos em cinco voltas. Ao passo que o resto do pelotão travava suas batalhas. Lutando por posição, em pista fria, resultando na rodada de Graham Rahal, que caiu do 10° lugar para 14°.

Um pouco depois, Ryan Hunter-Ray – que havia herdado a posição de Rahal – tentava segurar Santino Ferrucci, mas os dois se tocam e rodam na curva 1. Após mais uma tentativa “kamikaze” de Ferrucci.

Hunter-Ray antecipa sua parada, após cair para o 22° lugar, sendo acompanhado por outros pilotos que sofriam com os pneus mais duros.

Lá na frente Veekay já abre 5 segundos para Herta, que tenta segurar Newgarden, contando com a ajuda de Sage Karam, que volta como retardatário do pit.

Fim das paradas, novo líder

O ciclo de paradas vai chegando ao final, e Veekay retorna logo a frente de Herta que, com pneus mais aquecidos e de composto mole, batalha pela liderança virtual e leva a melhor com uma manobra por fora do miolo da pista.

Herta é o novo lider – Crédito James Black

Enquanto Newgarden volta em terceiro, ao parar no giro 21. Will Power que, vinha na sequência, perde tempo com problemas na troca dos pneus. Scott Dixon aparece em quinto, Hélio em 22°, sendo um péssimo dia para McLaren.

Herta agora é o novo líder e já abre 2,5 segundos de Veekay, na volta 33. No giro seguinte, Simon Pagenaud abre a segunda janela de Pit stops. O líder Herta para na volta 38, enquanto seu adversário, Dixon, faz o mesmo no giro seguinte.

Em seu retorno, Herta encontra com Ferrucci que ainda não havia realizado sua segunda parada. Mesmo fora do ciclo, Ferrucci bloqueia de forma perigosa, porém perde a posição para Herta.

Newgarden se aproxima

A essa altura, Newgarden está em segundo. Um pouco mais atrás um susto: Dixon tenta passar Rossi, pelo quinto lugar, e trava na curva 1, porém conseguindo realizar a ultrapassagem, se colocando atrás de Felix Rosenqvist, que está em quarto com boa estratégia.

Mas o dia não era do líder do campeonato, pois, na volta 45, Will Power aproveita o vácuo da reta e ultrapassa Dixon e Rossi de uma vez, em uma belíssima manobra. Dixon ainda perde o sétimo lugar para Rahal.

Newgarden se aproxima – Crédito Chris Jones

Na frente, a briga é definida entre Newgarden e Herta que abrem quase, 15 segundos para Veekay, contudo, Herta começa a reclamar de instabilidade na traseira em seu carro, dando chance para Newgarden se aproximar.

Na volta 60, após errar o ponto de freada na tão citada curva 1, Herta passa reto e perde a liderança, voltando de forma arriscada ao traçado. Buscando retomar o ritmo, Colton faz sua última parada no giro seguinte, com Newgarden fazendo o mesmo na volta 62.

Estratégia perfeita de Newgarden

Após o último giro de paradas, Newgarden consegue 4,4 segundos de vantagem para Herta, enquanto Rosenqvist marca 14 sendo o terceiro colocado. Mas ele é precionado por Veekay e Power, que erra na saída da última curva, e quase bate feio no muro. Abrindo margem para Rossi ultrapassá-lo.

Com pneus melhores, Rosenqvist tira a diferença para Herta e começa a pressão, mas não consegue efetuar a ultrapassagem, fazendo com que Rossi consiga participar da brincadeira.

Restando apenas 7 voltas, Veekay também chega para a luta pelo segundo lugar. No momento que Rossi, finalmente passa Rosenqvist, ele parte para cima de Herta.

No giro seguinte as coisas continuam quentes, literalmente! Marco Andretti recolhe seu carro, com o freio traseiro esquerdo, pegando fogo. Ao mesmo tempo, Rossi assume o segundo lugar, passando Herta por fora.

Fora do top 5, Dixon apresenta problemas na frenagem escapando na curva 4, caindo de sexto para nono. Assim perdendo preciosos pontos, na reta final do campeonato.

Comemoração da vitória – Crédito Chris Jones

Sem nenhuma ameaça, contando com uma estratégia impecável, Josef Newgarden cruza a linha de chegada com 13,5 segundos, a frente de Alexander Rossi. Rinus Veekay vence sua batalha particular com Colton Herta chegando, respectivamente, em terceiro e quarto.Felix Rosenqvist fecha o top 5.

Hélio Castroneves não teve um carro à altura, chegando em vigésimo. Ainda assim melhor do que seu companheiro Pato O’Ward, 22° lugar.

Com o resultado final, Scott Dixon ainda lidera com 40 pontos em cima de Newgarden. Contudo, neste sábado, as feras retornam ao traçado misto no templo de Indianápolis, para a penúltima etapa do campeonato.

E você acompanha os melhores momentos aqui, no Planeta Velocidade.

Francisco Brasil

Francisco Brasil

Período

Categorias

Siga nossas redes sociais