INDY – Will Power domina segunda corrida. Newgarden se aproxima mais de Dixon

4 de outubro de 2020

j

Francisco Brasil

O sábado da INDY foi corrido. Will Power garantiu sua pole número 61 apenas uma hora e meia antes da segunda corrida no traçado misto de Indianápolis, penúltima etapa do campeonato 2020.

Largada

De cara, Power larga bem e fecha Colton Herta no início das 75 voltas previstas. Lá atrás Hélio Castroneves tenta se recuperar de outra classificação ruim e passa dois de uma vez para assumir o 17° lugar.

E as brigas não param, com direito a toque entre Scott Dixon e Ryan Hunter-Ray, que procura o Pit já na volta 8 assim como Helinho que antecipou sua parada ao ficar preso atrás de Takuma Sato.

Dixon por sua vez se segura na pista com danos no assoalho, ao passo que Power abre 1,5 segundos de Herta.

A primeira janela de paradas começa na volta 26 com Rossi, Newgarden e Pato O’Ward, 3°, 4° e 5° respectivamente. Power e Herta fazem o mesmo no giro seguinte.

Durante o ciclo, Hélio aparece em sexto no momento em que Charlie Kimball se estranha com Marcus Ericsson pelo décimo posto. Ambos escapam e perdem terreno.

Após as paradas, Power retorna a liderança com incríveis 5 segundos de vantagem para Rossi. Na volta 32 Hélio novamente antecipa sua parada, caindo para 21° numa janela bem diferente.

Disputas comportadas

Herta x Rossi – Crédito: Matt Fraver

Rossi começa a tirar a diferença, que baixa de 3 segundos, mas as brigas boas estão no meio do pelotão. Que o diga Marcus Ericsson que passa Sato “a fórceps”.

Faltando 25 pro final Pagenaud abre nova janela de paradas trazendo na volta 51 Newgarden. Power, Herta, O’Ward fazem o mesmo no giro seguinte.

Power chega me retardatários e se enrosca com Marco Andretti, fazendo com que Rossi se aproximasse do piloto da Penske. Nesse momento a diferença de 2,7 cai para 1,5 segundos.

Dia de Power

Rossi ainda acredita e parte para cima de Will Power, mas também acompanha a aproximação de Herta que tem pneus macios, assim como Power.

Will é o primeiro a cruzar a linha de chegada – Crédito: James Black

E restando 11 giros para o fim, a diferença de pneus é decisiva e Herta ultrapassa Rossi para assumir o segundo lugar. E mesmo tirando a diferença, hoje era dia de Will Power que vence a prova.

Colton Herta e Alexander Rossi fecham o pódio. Newgarden chega em quarto, logo a frente de Pato O’Ward, e desconta mais oito pontos de Dixon, que chegou apenas em oitavo. Hélio finaliza em 21°.

Agora só resta a etapa de St. Petersburg para conhecermos o campeão de 2020 da INDYCAR. E você já sabe, tudo sobre o fim da temporada você acompanha na aqui no Planeta Velocidade.

Francisco Brasil

Francisco Brasil

Período

Categorias

Siga nossas redes sociais