INDY – Chilton lidera dobradinha da Carlin no segundo dias de testes em Sebring.

4 de março de 2020

j

Editores Planeta Velocidade

Segundo o site racer.com , treze pilotos da IndyCar Series se aventuraram na terça-feira para a sessão final de testes de pré-temporada no percurso curto do Sebring International Raceway e, como no teste de segunda-feira, a Carlin ficou no topo.

Revisão Francisco Brasil

Desta vez, foi o veterano da equipe Max Chilton quem liderou os 11 pilotos Chevy e os dois representantes da Honda, já que o carro Carlin nº 59 ficou no topo do cronograma não oficial durante a maior parte do dia.

A volta de 52.1126s do britânico foi seguida de perto pelo companheiro de equipe de testes de Carlin, Felipe Nasr, que foi o mais rápido 24 horas antes. O brasileiro terminou o dia em segundo (+ 0,0624s) com o Chevy nº 31, e logo atrás da dupla da Carlin, o novato Rinus VeeKay da Ed Carpenter Racing, ficou em terceiro (+ 0,0952s) no Chevy nº 21 à frente de Josef Newgarden, da Penske (+ 0.1424s) no Chevy No. 1. Pato O’Ward da Arrow McLaren SP terminou entre os cinco primeiros com o Chevy nº 5 (+ 0,1950s).

“Definitivamente otimista sobre o nosso ritmo, e há uma boa vibração na equipe após os últimos dois dias”, disse Chilton em entrevista à RACER.COM. “Foi um longo inverno; Eu não estou no carro há cinco meses e meio – desde Laguna Seca. Fizemos muito desenvolvimento no carro, mas não tivemos um piloto no final do ano passado para testar essas coisas, então até que você coloque o carro na pista, você não sabe. Com a corrida limitada que realizamos, sentimos que obtivemos grandes ganhos com o amortecimento e o carro como um todo.”

Em sexto, Simon Pagenaud, da Penske, liderou um segundo grupo de pilotos que estavam um pouco atrás de Chilton. O Chevy nº 22 (+ 0,3075s) foi seguido por Conor Daly da ECR no Chevy nº 20 (+ 0,3430s), Will Power, da Penske em oitavo com o Chevy nº 12 (+ 0,4469s), Oliver Askew da AMSP no Chevy nº 7 (+ 0,4826s) e em 10º, o primeiro dos Honda, representado por Graham Rahal, da Rahal Letterman Lanigan Racing, n° 15 (+ 0,6741s).

Dalton Kellett, da AJ Foyt Racing, foi o 11° fazendo sua melhor volta na última passagem (+ 0,9580s) no Chevy nº 14, Takuma Sato da RLL foi o 12º na Honda nº 15 (+ 1,1343s) e Ben Hanley da DragonSpeed ​​completou a lista no No. 81 Chevy (+ 1.1618s).

Para Chilton, que diz que há alguns candidatos para ingressar no segundo carro na próxima semana em São Petersburgo, a viagem de dois dias a Sebring ajudou a confirmar uma off-season de trabalho duro dos mecânicos e engenheiros da Carlin.

“Fizemos o teste no COTA (Circuito das Américas em Austin, Texas), que foi um pouco comprometido para todos com a chuva, e fomos rápidos lá, mas quando saí do COTA, não sabia onde estávamos”, disse ele.

“Nasr, que é novato, foi rápido, e você não pode argumentar que não éramos bons por lá, mas esse teste ajudou a mostrar a direção em que estamos. O Nasr foi constantemente mais rápido do que Scott Dixon ontem e durante todo o dia de hoje, fomos os vencedores. É apenas um teste, então você não deve ler muito, mas é definitivamente um bom progresso. Mesmo se as pessoas estivessem ‘escondendo o jogo’, o que eu acho que não, estamos definitivamente em uma posição competitiva, o que é bom para a equipe e para todo o projeto.”

Foto destaque Abbott/LAT

Editores Planeta Velocidade

Editores Planeta Velocidade

Período

Categorias

Siga nossas redes sociais