OPINIÃO – A Fórmula 1 pode ser equilibrada? Se a Mercedes falhar, sim!

8 de setembro de 2020

j

Daniel Mendes

Gasly conseguiu sua primeira vitória na F1 – Foto: Divulgação F1

A vitória do piloto francês Pierre Gasly no Grande Prêmio da Itália, no autódromo de Monza, fez com que muitos adeptos da categoria começassem a discutir, sobre o futuro e o equilíbrio na Fórmula 1. Já que devido a punição que Lewis Hamilton tomou, que foi um Stop & Go e com isso caiu para último, a corrida ficou bem mais emocionante com a incógnita de quem venceria a prova.

Outro ponto levantado foi que o triunfo de Gasly fez com que a França voltasse ao lugar mais alto do pódio depois de 24 anos, quando Olivier Panis venceu o GP de Mônaco. Além disso foi a primeira vitória de uma equipe sem ser Ferrari, Red Bull ou Mercedes, desde 2013, quando Kimi Raikkonen venceu de Lotus.

De fato, a vitória em Monza mostrou ser marcante para Gasly, já que foi a sua primeira, na categoria, com um sabor especial, visto que o piloto foi demitido da Red Bull Racing, onde poderia conseguir andar na frente com constância.

O que mudou?

Sabemos que o que aconteceu em Monza, na Itália foi um acaso, coisa de corrida. Uma punição, um erro, quebra de motor, isso tudo mexe com o andamento da prova. Mas também temos bem em mente que em condições normais a Mercedes vai sempre estar entre os 3 primeiros, principalmente com Hamilton.

Pódio formado pela nova geração da F1, a esquerda Sainz, no centro Gasly e a direita, Stroll – Foto: Reprodução/Twitter

Os três primeiros da corrida Monza, são pilotos jovens, que têm tudo para colocar seu nome da história da Fórmula 1. Pierre Gasly e Carlos Sainz principalmente, já que o espanhol andará na Ferrari na temporada que vem e a escuderia italiana, promete um carro um pouco mais competitivo do que o deste ano.

Futuro da Fórmula 1

O futuro da Fórmula 1 é a quebra de recordes que Lewis Hamilton conseguirá fazer. Tudo indica que ele será o piloto com mais vitórias na categoria, ultrapassando Michael Schumacher e também o piloto com mais títulos.

Resta ver, se os nomes do futuro, que já estão no atual grid, conseguirão alcançar números expressivos tal qual Hamilton conseguiu. Gasly já obteve a sua primeira vitória. Lando Norris, George Russel, Carlos Sainz e Lance Stroll estão na busca, mas na minha visão isso só será possível se algo acontecer de novo com Hamilton, a Mercedes e também com Max Verstappen.

Daniel Mendes

Daniel Mendes

Período

Categorias

Siga nossas redes sociais