Escute a rádio Planeta Velocidade!

WSBK – Austrália recebe etapa de abertura do Mundial de SuperBike.

1 de março de 2020

j

Colaboradores Planeta Velocidade

Mais uma temporada do WSBK se inicia, e ficamos na expectativa sobre que serão as forças da categoria.

Texto Fabricio Barbosa
http://www.Instagram.com/toqueracing

Revisão Francisco Brasil

Essa dúvida começou a ser sanada na primeira etapa do campeonato, na Austrália, com #66 Tom Sykes da BMW fazendo a pole.

                Logo na largada, o atual campeão #1 Jonathan Rea largou bem pulando na frente, mas #66 Sykes fez questão de retomar a liderança e, numa tentativa de recuperar a ponta, #1 Rea leva um toque e acaba saindo da pista e indo para última posição. Rea até que tentou se recuperar, mas sofreu uma queda.

                La no fundo do pelotão quem fez uma corrida de recuperação foi #19 Alvaro Bautista, que tem um novo desafio: ajudar a desenvolver a nova Honda Fireblade, que este ano vem com sua divisão de competições HRC, após deixar a Ducati. Falando em Ducati, o novo velho piloto #45 Scott Redding – ex MotoGP e atual campeão do britânico de superbikes – briga pela liderança da prova. E parece que a corrida é dos pilotos que mudaram de equipe, a exemplo dos dois pilotos que estão na briga pelo pódio: #54 Tropak Razgatliaglu da Yamaha de fábrica e #22 Alex Lowes na Kawasaki de fábrica. E a disputa foi até a linha de chegada com direito a foto para definir o ganhador.

O resultado da corrida 1 ficou assim:

foto: Twitter oficial Worldsbk
foto: Twitter oficial Worldsbk

                Na SuperPole Race, uma corrida de apenas 10 voltas que define a grid da corrida 2, teve a mesma receita da primeira rodada e, desta vez, um ingrediente a mais: o atual campeão da categoria # 1 Rea estava no páreo e mostrou que ainda é o piloto a ser batido. E a superpole teve o mesmos protagonistas da primeira corrida, sendo #54 Toprak #22Lowes #45 Redding, todos eles disputando um lugar no pódio.

Desta vez quem sofreu uma queda foi #19 Bautista, enquanto #66 Sykes continuava com dificuldades para se manter na frente. Mesmo com tantos pilotos talentosos, ninguém foi capaz de deter #1 Rea que conquistou a vitória seguido por #54 Toprak e #45 Redding.

Confira o resultado da Superpole Race:

foto: Twitter oficial Worldsbk
foto: Twitter oficial Worldsbk

                Na ultima corrida do final de semana as cartas estavam na mesa e as apostas estavam feitas. E tudo se confirmou que muitas disputas boas virão no campeonato, nos dando uma boa visão de quem vão ser os protagonistas do belo espetáculo das 2 rodas.

De todos os pilotos de fábrica, vale destacar um piloto que é de equipe satélite: #76 Loriz Baz, que nas 3 provas esteve no pelotão da frente. Pena que na última corrida, quando estava brigando por boas posições, foi atrapalhando por #54 Tropak que, com um problema mecânico, quase colidiu e jogou Baz para fora da pista.

                Outro grande destaque da ultima corrida foi #22 Lowes, que bateu seu companheiro de equipe #1 Rea e conquistou a vitória, saindo da Austrália como líder do campeonato após conquistar 3 pódios em sua estreia. As Honda mostraram que podem brigar por bons resultados, assim como a BMW que, com bom acerto, estará na frente. Vamos aguardar a próxima etapa no Qatar nos dias 12 e 13 de março.

Confira como ficou a última corrida:

foto: Twitter oficial Worldsbk
foto: Twitter oficial Worldsbk

Foto destaque https://twitter.com/WorldSBK

Colaboradores Planeta Velocidade

Colaboradores Planeta Velocidade

Período

Categorias

Siga nossas redes sociais